Giro

Qual vacina usada como 3ª dose gera maior proteção contra Ômicron?

Crédito: Pixabay

Efeito nocebo causou 76% dos efeitos colaterais da vacina na primeira dose (Crédito: Pixabay)

Em um contexto de progresso global nos casos de Covid da variante Ômicron, um relatório britânico revelou qual vacina é usada como a terceira dose que gera um alto grau de imunização contra a variante do coronavírus originária da África do Sul .

A United Kingdom Health Security Agency (UKHSA ) publicou um relatório baseado nos resultados obtidos após a aplicação de uma dose de reforço com vacinas de RNA mensageiro, ou seja, Pfizer e Moderna, em homens e mulheres que já haviam sido inoculados com duas doses de Pfizer, Moderna ou AstraZeneca. O estudo se concentrou em pessoas com um cronograma completo apenas dessas três vacinas, não outras como a Sputnik ou as de origem chinesa, como a Coronavac.



+ Estudo mostra que vacina de reforço reduz risco de morte por Ômicron em 95%

O resultado obtido mostrou que a terceira dose é fundamental quatro meses após a conclusão do esquema inicial. As vacinas de reforço contra a Covid-19 aumentam a proteção contra avariante Ômicron para 95% em pessoas com 50 anos ou mais, disse a Agência de Segurança da Saúde do Reino Unido.

A entidade observou que, cerca de seis meses após uma segunda dose de qualquer uma das vacinas, a proteção contra a morte causada pela Ômicron foi de cerca de 60% em pessoas com 50 anos ou mais. No entanto, esse número subiu para quase 95% duas semanas após receber uma dose de reforço da vacina.

+ Confira 10 receitas para reaproveitar ou turbinar o arroz do dia a dia


A agência acrescentou que, com a terceira dose aplicada, os dados continuaram a mostrar altos níveis de proteção contra hospitalização. A eficácia contra a hospitalização foi de cerca de 90% para a dose de reforço Pfizer-BioNTech, caindo para 75% 10 a 14 semanas após o reforço.

Para Moderna, a eficácia contra a hospitalização foi de 90-95% até 9 semanas após o reforço. “A evidência é clara: a vacina ajuda a proteger a todos nós contra os efeitos do Covid-19 e a dose de reforço oferece altos níveis de proteção contra hospitalização e morte nos membros mais vulneráveis ​​de nossa sociedade”, disse Mary Ramsay, chefe da agência de imunização.


Após cruzamento de dados com o Sistema Nacional de Gestão de Imunizações, dados de prontuários eletrônicos e Inquéritos de Infecção por Covid-19, concluiu-se que duas doses de AstraZeneca proporcionam inicialmente uma eficácia entre 45 e 50%, que depois cai para quase zero 20 semanas (cinco meses) após a segunda dose.

Já com duas doses de Pfizer ou Moderna, a eficácia inicial fica entre 65 e 70%, caindo depois para 10%. Nesse mesmo contexto, aqueles que receberam a dose de reforço desses compostos obtiveram uma eficácia entre 60 e 75%, que cai entre 25 e 40% a partir de 15 semanas (quase quatro meses) ou mais após o reforço.

Assim, concluiu-se que a combinação que proporcionaria maior proteção nos casos sintomáticos é a de duas doses iniciais de Pfizer como esquema inicial e um reforço de Moderna, a partir do qual após quinze semanas de sua aplicação a proteção seria em torno de 60 e 70%.



Tópicos

A internação é necessária para todo caso positivo para o teste do COVID-19? África do Sul alcool gel após quantos dias os sintomas da variant Omicron da COVID-19 podem aparecer autoteste Brasil casos Como prevenir COVID-19 no ambiente de trabalho? contágio ômicron coronavírus covid da diarreia amarela covid da diarreia com sangue covid da diarreia e dor de barrigam geral covid da diarreia e dor de estomago covid da diarreia e dor no corpo covid da diarreia e febre covid da diarreia e vomito covid da diarreia forte covid da diarreia por quantos dias covid da diarreia verde Covid-19 devo continuar com medidas preventivas como uso de máscara dor de garganta omicron etc.? Europa GO mas transmiti-la? mascara de pano omicron medicação para covid omicron mortes ômicron novos casos covid-19 novos casos ômicron omicron omicron em crianças omicron sequelas OMS pandemia pico de transmissão pico de transmissão da ômicron Posso não apresentar sintomas da COVID-19 quais os sintomas da omicron a nova variante Quais são os principais cuidados para evitar a contaminação familiar de COVID-19? qual o pico de transmissão da ômicron? alcool gel Qual o tempo de incubação da COVID-19? qual os sintomas da omicron Quanto tempo a COVID-19 permanece ativo em diferentes superfícies? quantos dias duram os sintomas da omicron Quantos dias é o isolamento pela COVID-19? Que máscara uma pessoa que suspeita ter COVID-19 deve usar? Reino Unido remédios para covid omicron Se eu já tinha COVID-19 sequelas da omicron sintoma da gripe sintomas da nova variante omicron sintomas da variante omicron sintomas influenza sintomas omicron e influenza Tenho que parar de tomar alguma medicação por conta do novo coronavírus (COVID-19)? teste teste de covid vacinação variante omicron