Giro

Próxima grande etapa do julgamento de Netanyahu por corrupção será em fevereiro

Próxima grande etapa do julgamento de Netanyahu por corrupção será em fevereiro

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu (C), conversa com seu advogado dentro da corte distrital de Jerusalém, em 24 de maio de 2020, no primeiro dia de seu julgamento por corrupção - POOL/AFP

Um tribunal israelense anunciou nesta terça-feira (24) que a próxima grande etapa no julgamento por corrupção do primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu, a apresentação de provas, será celebrada “no começo de fevereiro”, e não em janeiro, como previsto inicialmente.

Esta decisão, publicada pelo ministro da Justiça, se deve a diferenças sobre a apresentação das provas, bem como às restrições impostas contra o novo coronavírus.

Netanyahu foi denunciado em novembro de 2019 por corrupção, fraude e abuso de confiança em três casos. É a primeira vez que isto ocorre com um chefe de governo israelense durante seu mandato.

A apresentação de provas marca uma etapa importante no processo, após meses de alegações sobre a redação das acusações e o acesso da defesa aos dossiês da acusação.

O julgamento do premier começou em 24 de maio. Na ocasião, Netanyahu simplesmente confirmou que tinha entendido as acusações contra ele. Sua presença não foi requerida depois nas audiências.

A acusação reuniu mais de 300 testemunhas para apoiar suas alegações.

Benjamin Netanyahu, de 71 anos, 14 deles no poder, é acusado de ter recebido 700.000 shequels (cerca de 210.000 dólares) em charutos, champanhe e joias de personalidades abastadas em troca de favores financeiros ou pessoais.

Segundo os investigadores, Netanyahu também teria tentado obter uma cobertura favorável de um dos maiores jornais de Israel, o Yediot Aharonot.

O início de seu julgamento ocorreu pouco depois da conclusão de um governo de coalizão com seu ex-rival, Benny Gantz.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel