Economia

Produção industrial dos EUA decepciona e cai 0,9% em agosto, afetada pelo Harvey

A produção industrial dos EUA sofreu uma inesperada queda de 0,9% em agosto ante julho, refletindo os efeitos na manufatura da passagem do furacão Harvey, segundo o Federal Reserve (Fed, o banco central americano). O resultado, que veio após seis meses de ganhos, surpreendeu analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam ligeiro aumento de 0,1% na produção.

O Harvey, que atingiu a Costa do Golfo dos EUA no fim do mês passado, foi responsável pela maior parte da contração, ao afetar as operações de extração e refino de petróleo, além de outras atividades industriais, explicou o Fed.

Já a taxa de utilização da capacidade instalada diminuiu 0,8 ponto porcentual em agosto, a 76,1%. Neste caso, a projeção do mercado era de taxa a 76,8%.

O Fed também revisou os dados de julho ante junho, com a produção industrial mostrando avanço de 0,4%, ante +0,2% originalmente, e a taxa de utilização da capacidade ajustada de 76,7% para 76,9%. Fonte: Dow Jones Newswires.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel