Economia

Procon-SP fecha acordo com Enel sobre parcelamento e aumento nas contas de luz

Crédito: Reprodução/Enel

Trato pretende resolver as quase 55 mil reclamações registradas no órgão de defesa do consumidor até o momento (Crédito: Reprodução/Enel)

O Procon-SP fechou acordo com a Enel Distribuição para resolver as quase 55 mil reclamações registradas no órgão de defesa do consumidor até o momento, obter o parcelamento automático dos débitos em aberto, esclarecer o aumento exagerado nas contas e acabar com as filas de consumidores nos postos de atendimento da distribuidora de energia.

Segundo nota do Procon, o “acordo beneficia todos os consumidores que reclamaram ou vierem a reclamar até o dia 31 de agosto no site http://www.procon.sp.gov.br ou aplicativo Procon-SP”.

O órgão explicou que a pandemia do coronavírus fez com que a distribuidora de energia deixasse de realizar leitura presencial dos medidores em abril e maio, optando por fazer as cobranças desses meses pela média de consumo.

+ Energia elétrica de inadimplentes pode ser cortada a partir de hoje
+ O dilema da energia solar 

Com isso, acabou por gerar faturamentos incorretos e transtornos aos consumidores que agora estão se aglomerando em longas filas nas lojas da Enel para resolver sua situação, destacou o órgão.

Lado da empresa

“A Enel Distribuição São Paulo informa que continuará sem enviar avisos de corte de energia por inadimplência até o dia 31 de agosto. A medida foi adotada para que os clientes tenham mais tempo para negociar o parcelamento das contas em aberto com a distribuidora, após a retomada da leitura presencial dos medidores. Após o recebimento do aviso de inadimplência, que virá impresso na conta de energia, o cliente terá ainda até 15 dias para negociar seus débitos, antes que o corte seja efetuado”, explicou a companhia, em nota.

Segundo a empresa, o parcelamento das contas em atraso será em “até 12 vezes na própria fatura, sem juros do financiamento”. O procedimento poderá ser realizado por meio do Aplicativo Enel SP, que pode ser baixado gratuitamente, pelo Portal de Negociação, pelo site da empresa, no link https://portalnegociacao.eneldistribuicaosp.com.br/#/home, ou pelo Call Center (0800 72 72 120).

“Para agilizar o atendimento dos clientes que entraram com solicitação no Procon-SP, o órgão emitirá uma autorização para que a companhia possa realizar o parcelamento automático, em até 12 vezes sem juros no financiamento, para todos os clientes que já ingressaram ou entrarem com pedidos no órgão de defesa do consumidor até o dia 31 de agosto e cuja solicitação envolva faturas lidas até 31/07/2020”, destacou a Enel.

No caso dos clientes que necessitem ir às lojas, de segunda-feira a sábado, entre 8h30 e 16h30, a companhia vai oferecer atendimento com hora marcada, agendada pelo site ou pelo Call Center e, assim, evitar filas e aglomerações.

“Estamos sensíveis ao atual momento pelo qual passam muitas famílias, que tiveram sua renda reduzida em função da pandemia, e queremos facilitar a vida dos clientes, para que possam regularizar sua situação”, disse Márcia Sandra, Diretora da Mercado da Enel Brasil, por meio de nota.

 

Veja também

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+Conheça os 42 anos de história da picape Mitsubishi L200

+ Remédio barato acelera recuperação de pacientes com covid-19

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?