Economia

Presidente do BB coloca cargo à disposição de Bolsonaro

Crédito: Arquivo / Agência Brasil

O desentendimento começou quando Brandão anunciou um plano de reestruturação do banco (Crédito: Arquivo / Agência Brasil)

O presidente do Banco do Brasil, André Brandão, colocou o cargo à disposição do presidente da república, Jair Bolsonaro. O movimento acontece depois dos desentendimentos ocorridos em janeiro, quando Brandão anunciou um plano de reestruturação do banco, com o fechamento de agências em vários municípios.

De acordo com o jornal O Globo, o ministro da Economia, Paulo Guedes, pediu a Brandão que permaneça no cargo até que se encontre um substituto. No início da semana, os dois participaram de uma reunião e André teria exposto seu desconforto, depois dos rumores de que Bolsonaro queria substituí-lo.

+ MP de Privatização da Eletrobras recebe 570 emendas de parlamentares

Entre os nomes cogitados para substituir Brandão estão o presidente do Banco de Brasília (BRB), Paulo Henrique Costa, o secretário-executivo do Ministério da Cidadania, Antônio Barreto, e o presidente do BNDES, Gustavo Montezano.

Fontes escutadas pelo O Globo afirmaram que Brandão tomou a decisão após observar o destino do presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, demitido por Bolsonaro na última semana.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel