Economia

Presidente da China demonstra preocupação com ameaças terroristas no Brics

Para o presidente da China, Xi Jinping, um dos papeis dos países do Brics é trabalhar para oferecer um ambiente “de plena paz”. Em seu discurso, na manhã nesta quarta-feira, ele demonstrou preocupação com ameaças terroristas e conflitos regionais.

“Precisamos permanecer firmes ao nosso compromisso e oferecer desenvolvimento”, disse.

Em relação à Organização das Nações Unidas (ONU), Xi, disse que o Brics deve se opor ao hegemonismo. “Defender e praticar o multilateralismo cabe a nós”.

Assim como os discursos de quarta-feira, ele voltou a criticar o protecionismo econômico. “Há causas para preocupação como aumento de protecionismo e unilateralismo criam déficit de governança e são fatores de desestabilização da economia digital”, disse.

“Globalização econômica está encontrando alguns revezes que até certo ponto revelam falhas e deficiências nos sistema de governança global”, afirmou.

Da mesma forma que o presidente da Rússia, Vladimir Putin, Xi também defendeu a ampliação das relações dos países do bloco com outras nações.

O presidente chinês afirmou ainda que a China busca operação mais limpa, aberta e economicamente sustentável na Road and Belt (Rota da Seda).

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

Economia

Presidente da China demonstra preocupação com ameaças terroristas no Brics

Para o presidente da China, Xi Jinping, um dos papeis dos países do Brics é trabalhar para oferecer um ambiente “de plena paz”. Em seu discurso, na manhã nesta quarta-feira, ele demonstrou preocupação com ameaças terroristas e conflitos regionais.

“Precisamos permanecer firmes ao nosso compromisso e oferecer desenvolvimento”, disse.

Em relação à Organização das Nações Unidas (ONU), Xi, disse que o Brics deve se opor ao hegemonismo. “Defender e praticar o multilateralismo cabe a nós”.

Assim como os discursos de quarta-feira, ele voltou a criticar o protecionismo econômico. “Há causas para preocupação como aumento de protecionismo e unilateralismo criam déficit de governança e são fatores de desestabilização da economia digital”, disse.

“Globalização econômica está encontrando alguns revezes que até certo ponto revelam falhas e deficiências nos sistema de governança global”, afirmou.

Da mesma forma que o presidente da Rússia, Vladimir Putin, Xi também defendeu a ampliação das relações dos países do bloco com outras nações.

O presidente chinês afirmou ainda que a China busca operação mais limpa, aberta e economicamente sustentável na Road and Belt (Rota da Seda).

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.