Economia

Prefeitura de SP decreta home office definitivo

Crédito: HELOISA BALLARINI/SECOM

A prefeitura alega que o home office dos servidores trouxe redução de custos, produtividade e ajudou o meio ambiente (Crédito: HELOISA BALLARINI/SECOM)

Os servidores da Prefeitura de São Paulo estarão, a partir de hoje (15), em home office (trabalho remoto) definitivo. São mais de 120 mil funcionários que trabalharão de casa, segundo decreto publicado no Diário Oficial do município.

Desde 16 de março os servidores municipais estão trabalhando de casa e a gestão Bruno Covas (PSDB) diz que houve aumento na produtividade dos funcionários, redução de despesas, além da questão ambiental com menos pessoas se deslocando e usando transporte nas ruas da capital paulista.

+ Voltaremos a enfrentar resistência para reduzir subsídio no transporte, diz Covas
+ Resort nas Maldivas lança pacote de home office de luxo por R$ 123 mil
+ Cai de 71% para 52% o porcentual de trabalhadores em home office, mostra pesquisa

Na visão do prefeito, home office é “caminho irreversível” em todo o mundo.

Agora, subprefeitos e outras autoridades da administração terão até 90 dias para apresentarem um balanço da implantação do home office em cada órgão pra, então, ser editada uma portaria definindo novas diretrizes para o decreto.

Os servidores terão de comparecer aos antigos postos de trabalho pelo menos uma vez na semana e as avaliações de desempenho devem ser periódicas. Esses dias de trabalho fora de casa não podem ser fixos (como, por exemplo, todas as quartas, ou quintas) e deve haver alternância entre as semanas.

O decreto estabeleceu que o comparecimento presencial em caso de convocação deve acontecer com aviso de no mínimo quatro horas de antecedência.

Veja também

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+Conheça os 42 anos de história da picape Mitsubishi L200

+ Remédio barato acelera recuperação de pacientes com covid-19

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?