Política

Prefeitos ‘lastimam’ relatório sobre regiões com mais mortes por covid

Prefeitos reagiram ao relatório do governo Jair Bolsonaro que destaca nomes de governadores e prefeitos dos locais com o maior número de novos óbitos e novos casos confirmados de covid-19.

Conforme o Estadão publicou, o ranking foi elaborado em um movimento do Palácio do Planalto para tentar se eximir das críticas pela condução do enfrentamento ao novo coronavírus. O presidente da República tem atribuído a responsabilidade do avanço da pandemia a gestores dos Estados e municípios.

“A FNP lastima mais essa postura do governo federal, que além de não promover a harmonia federativa, como previsto na Constituição Federal, atrapalha medidas implementadas por prefeitos e governadores para salvar vidas”, diz nota da Frente Nacional de Prefeitos, presidida pelo prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB).

No sábado (8), o Brasil ultrapassou a marca de 100 mil mortes por covid-19. Ao falar do relatório, a FNP lamentou a postura do governo federal de confronto com prefeitos e governadores.

“O documento preparado pelo Palácio do Planalto e enviado a parlamentares, com nomes de governantes de cidades que mais têm casos de COVID-19 tem o objetivo de imputar responsabilidades, evidenciando o ânimo de apontar culpados.”

Veja também

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+Conheça os 42 anos de história da picape Mitsubishi L200

+ Remédio barato acelera recuperação de pacientes com covid-19

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?