Giro

Prefeito de Belo Horizonte decretará lockdown na segunda-feira

Crédito: Divulgação / Prefeitura de BH

Kalil disse que a capital mineira chegou “ao limite da covid-19” (Crédito: Divulgação / Prefeitura de BH)

A cidade de Belo Horizonte entrará em regime de lockdown (bloqueio total) a partir de segunda-feira (11). O anúncio foi feito pelo prefeito Alexandre Kalil em redes sociais.

Kalil disse que a capital mineira chegou “ao limite da covid-19” e que, após uma reunião de governo, foi orientado a tomar a decisão de editar um decreto fechando todos os serviços não essenciais da cidade. “Sexta-feira [8] o decreto vai ser publicado, e segunda-feira a cidade está fechada”, informou o prefeito.

+ OMS alerta que ainda há ‘caminho difícil’ a percorrer antes de derrotar o vírus

“Chegamos no vermelho. O comerciante tem que se preparar, porque sexta-feira estaremos soltando um decreto voltando a cidade à estaca zero. São números impressionantes, houve uma importação de doença surpreendente. Temos casos de famílias inteiras, que passaram o Natal juntos, infectados e internados”, acrescentou.



De acordo com Kalil, os únicos locais não essenciais ainda em funcionamento serão as praças públicas e o zoológico, que terá visitas agendadas. “Me desculpem, mas governar não é agradar. Tivemos uma longa reunião hoje, fui orientado. Com exceção das praças públicas e do zoológico agendado, [a cidade] estará com serviços essenciais abertos e todo o resto fechado”, finalizou Kalil, em vídeo.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel