Finanças

Polícia vai investigar suposto esquema de pirâmide na energia solar

Crédito: Arquivo/Agência Brasil

A companhia prometia rendimentos de até 16% a quem alugasse placas solares, no entanto, não estaria liberando saques para investidores desde maio deste ano (Crédito: Arquivo/Agência Brasil)

A pedido da Promotoria de Justiça Criminal de Petrolina (PE), a Polícia Civil pernambucana vai investigar a empresa Original Energy, por suposto esquema de pirâmide no setor de energia solar.

De acordo com o Portal do Bitcoin, a companhia prometia rendimentos de até 16% a quem alugasse placas solares, no entanto, não estaria liberando saques para investidores desde maio deste ano.

+ Saiba o que é uma pirâmide financeira e como identificar a prática ilegal
+ Polícia prende dono da JJ Invest por suspeita de pirâmide financeira

No início do ano, a CVM (Comissão de Valores Mobiliários) sugeriu ao Ministério Público a abertura de uma ação civil pública contra a Original por considerar que havia fortes indícios de um esquema fraudulento, que poderia ser classificado como pirâmide financeira.

A autarquia considera que o lucro fora da realidade do mercado oferecido pela empresa, o pagamento de bônus para aqueles que indicam novos participantes e a formação de redes de consultores seriam alguns indicativos de possível fraude.

Segundo o Portal do Bitcoin, o CEO da Original Energy, Alex Rodrigo Mesquita, disse que os negócios da empresa são legítimos e que os sócios têm prestado todos os esclarecimentos possíveis para comprovar a sua idoneidade e a inexistência de incidência de crimes.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel