Sustentabilidade

Pobreza relegada na COP-26

Crédito: Divulgação

A 26a Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática chegou ao fim com muitas lacunas. Uma delas foi ter deixado de fora a discussão sobre a pandemia da pobreza que está castigando mais de 1,3 bilhão de pessoas, segundo o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. Esquecem-se os líderes que o tema está intimamente ligado à crise climática.

O documento da ONU Pobreza e Prosperidade Compartilhada é explicito: “A convergência da pandemia da Covid-19 com as pressões dos conflitos e das mudanças climáticas deixarão o objetivo da erradicação da pobreza até 2030 fora do alcance”.

A meta está estabelecida no ODS1 (Objetivo do Desenvolvimento Sustentável). Para este ano, a expectativa é que o porcentual de pessoas que vivem com menos de US$ 1,90 por dia fique entre 9,1% e 9,4% da população global. Os negociadores da COP-26 parecem não se importar.

Evandro Rodrigues

(Nota publicada na edição 1249 da Revista Dinheiro)