Economia

PIB francês sofre queda de 5,3% no 1º trimestre, a maior desde 1968

O Produto Interno Bruto (PIB) da França sofreu contração de 5,3% no primeiro trimestre de 2020 ante o quarto trimestre de 2019, em meio ao impacto da pandemia do novo coronavírus, segundo revisão divulgada nesta sexta-feira pelo Insee, como é conhecido o instituto de estatísticas do país. Trata-se da maior queda do PIB francês desde o segundo trimestre de 1968, de acordo com a Trading Economics.

No fim de abril, o Insee havia originalmente estimado recuo maior, de 5,8%, que seria o maior da história.

Como o PIB francês já havia encolhido 0,1% no quarto trimestre do ano passado, a economia do país entrou em recessão técnica com o resultado dos primeiros três meses de 2020.

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança

Tópicos

França PIB