Política

PF isenta Renan e o filho de propina da Braskem

A Polícia Federal (PF) concluiu que “não há elementos concretos” contra o senador Renan Calheiros (MDB-AL) e seu filho, o governador de Alagoas, José Renan Calheiros Filho, no episódio em que o ex-diretor da Odebrecht Cláudio Melo Filho apontou suposto repasse de propinas da Braskem aos dois em 2014 – ano em que Renan Filho candidatou-se ao Executivo alagoano e foi eleito. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Veja também

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?