Giro

PF faz operação contra fraude na obtenção de benefícios previdenciário

 A Polícia Federal deflagrou hoje (1º) a operação Falso Registro, que combate fraudes para obtenção de benefícios previdenciários indevidos. Na ação, autorizada Primeira Vara Federal de Presidente Prudente, no interior paulista, foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão e encontrados documentos relativos às fraudes.

“Foi identificada a utilização de cinco empresas para a inserção de vínculos empregatícios falsos nos sistemas da Previdência Social mediante entregas de Guias de Recolhimento e Informações à Previdência Social extemporâneas, fato este que permitiu o recebimento de benefícios previdenciários fraudulentos embasados em relações trabalhistas inverídicas por diversas pessoas”, destacou a PF, em nota.

Segundo a polícia, foram identificados 18 benefícios recebidos irregularmente, que já causaram aos cofres públicos prejuízos no valor de R$ 1,9 milhão. 

Veja também

+ Quarta parcela do auxílio sai hoje (14) para os nascidos em agosto

+ Cunhado de Maradona morre de Covid-19 na Argentina

+ Nazistas ou extraterrestres? Usuário do Google Earth vê grande ‘navio de gelo’ na costa da Antártida

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?