Economia

PF ataca quadrilha por fraude em auxílios e aposentadorias por invalidez

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça, 7, a Operação Revide para combater fraudes em auxílios e aposentadorias por invalidez.

São cumpridos 23 mandados de busca e apreensão em endereços na capital paulista, em Guarulhos e Caieiras, em São Paulo, e na cidade mineira de Poços de Caldas, além de medidas restritivas de direitos.

As investigações desvendaram que uma organização criminosa composta por médicos, advogados e intermediários que fraudavam benefícios previdenciários.

Um perito judicial teria sido cooptado pelo grupo para declarar pessoas saudáveis como incapazes para o trabalho em troca de propinas. A PF não divulgou os nomes dos investigados.

O esquema já desviou cerca de R$ 13 milhões, mas a estimativa é que o prejuízo evitado com a desarticulação do grupo chegue aos R$ 27 milhões.

Veja também

+ Sandero deixa VW Polo GTS para trás em comparativo
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial
+ Ivete Sangalo salva menino de afogamento: “Foi tudo muito rápido”
+ Bandidos armados assaltam restaurante na zona norte do RJ
+ Mulher é empurrada para fora de ônibus após cuspir em homem
+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?