Geral

Pezão reúne-se com cúpula da segurança pública no Rio para comunicar intervenção

O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (MDB), reúne-se na manhã desta sexta-feira, 16, com a cúpula da segurança pública fluminense, no Palácio Guanabara, sede do governo, para comunicar a intervenção federal que será decretada na área. Ainda nesta sexta, o governador retornará a Brasília, onde será assinado, pelo presidente Michel Temer, o decreto por meio do qual a União intervirá nas forças estaduais.

Na prática, Pezão perderá todos os seus poderes sobre as corporações policiais. Um general do Exército, Walter Braga Neto, assumirá o comando das Polícias Civil e Militar do Estado, possivelmente com poder para nomear seus comandantes e até prender seus integrantes. A forma da intervenção será fechada em encontro em Brasília, entre Pezão e autoridades federais, ainda nesta sexta.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel