Finanças

Petróleo opera em alta no embalo das ações com acerto orçamentário nos EUA

Os preços do petróleo operam em alta na manhã desta terça-feira, seguindo o movimento observado nos mercados acionários à medida que o sentimento dos investidores foi impulsionado por um acerto preliminar entre republicanos e democratas nos Estados Unidos para se evitar uma nova paralisação parcial do governo americano ao fim desta semana.

Às 8h43 (de Brasília), o barril do Brent para abril subia 1,11%, a US$ 62,19, na Intercontinental Exchange (ICE), enquanto o WTI para março avançava 1,05%, a US$ 52,96 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex).

As notícias de que legisladores americanos haviam chegado a um entendimento em princípios por um acordo orçamentário abrangente para encerrar a disputa de mais de mês em torno do financiamento da segurança na fronteira com o México deram ânimo à compra de ações, o que levou o mercado da commodity junto no embalo.

“Primariamente, a história hoje é a de que pode haver um acordo para evitar um shutdown nos EUA, que é positivo para o sentimento de risco”, disse o analista de commodities do UBS Giovanni Staunovo. “Não há nenhuma novidade específica sobre fundamentos” para o mercado de petróleo, acrescentou.

Mais tarde, às 10h25, a Organização de Países Exportadores de Petróleo (Opep) publica o seu relatório mensal, enquanto o Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) dos EUA lançará o seu relatório, também mensal, Perspectiva de Curto Prazo para Energia (STEO).

Às 19h30, o Instituto Americano de Petróleo (API, na sigla em inglês) anuncia a sua contagem semanal de estoques nos EUA.