Finanças

Petróleo fecha misto à espera de relatórios de estoque e de olho na Opep

Os contratos futuros do petróleo fecharam mistos nesta terça-feira, 21, à medida em que os investidores esperam pelo relatório semanal do American Petroleum Institute (API), a ser divulgado no período das tarde. O mercado também manteve no radar a possibilidade de a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) estender os cortes na sua produção nos próximos meses.

O petróleo WTI para junho, que venceu nesta terça, fechou em baixa de 0,17%, a US$ 62,99 o barril. Já o contrato mais líquido, para julho, recuou 0,13%, a US$ 63,13 o barril. O petróleo do tipo Brent para julho, por sua vez, subiu 0,29%, a US$ 72,18 o barril.

O economista-chefe de mercado da Spartam Capital, Peter Cardillo, afirmou em relatório que os preços do WTI chegaram a um “obstáculo técnico” nesta terça, sugerindo que os traders estão esperando para fazer grandes apostas após a divulgação do relatório semanal do API, às 17h30 (de Brasília).

“A queda de hoje foi apenas ansiedade sobre os próximos relatórios de estoque. O mercado está descansando”, disse Cardillo. “Mas se os dados do Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) amanhã mostrarem um declínio substancial nos estoques, acho que você pode ver os preços subindo novamente.”

Já em relação à alta observada no petróleo tipo Brent, o presidente da consultoria Ritterbusch & Associates, Jim Ritterbusch, disse que “há uma tendência de alta desenvolvida nesta semana já que a Opep parece estar se inclinando na direção de uma extensa fase de redução na sua produção até o segundo semestre deste ano”. Com informações da Dow Jones Newswires

Tópicos

petróleo