Negócios

Petrobras informa ter indagado MME sobre declarações alusivas a política de preço

Sobre as declarações atribuídas ao presidente da República, Jair Bolsonaro, envolvendo o reajuste de gás e sobre possíveis mudanças na política de preço da Petrobras, a estatal informa em comunicado divulgado nesta quarta-feira, 7, que “indagou o seu acionista controlador, por meio do Ministério de Minas e Energia (MME), sobre a existência de informações relevantes que deveriam ser divulgadas ao mercado, e até o momento, não recebeu resposta”.

Em Foz do Iguaçu (PR), para cerimônia de posse do general João Francisco Ferreira como novo diretor-geral brasileiro de Itaipu Binacional, Bolsonaro defendeu maior previsibilidade na política de preços da Petrobras, além de transparência. O chefe do Executivo também pediu a participação do parlamento para aprovação do projeto do governo sobre a cobrança do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre combustíveis. Ele indicou que a política de preços da estatal poderia ser modificada com a aprovação do texto.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel