Coluna

Pedro Bueno deixa o cargo de CEO do laboratório Dasa

Pedro Bueno deixa o cargo de CEO do laboratório Dasa

Pedro Bueno, que deixou o cargo de CEO da Dasa

O empresário Pedro Bueno está deixando o cargo de CEO do laboratório Dasa a partir de janeiro de 2019. A informação foi divulgada internamente na manhã de terça-feira 16 para funcionários da empresa. Em seu lugar, está assumindo Carlos de Barros Jorge Neto, que era vice-presidente financeiro. Bueno, no entanto, não sairá da Dasa. Ele passa a ser presidente-executivo e não estará mais envolvido com o operacional da companhia, passando a se dedicar às questões estratégicas.

Bueno é filho do fundador da Amil, Edson de Godoy Bueno (1943-2017), que havia assumido o controle do laboratório da Dasa, em 2009. Pedro Bueno estava no cargo de CEO da companhia desde 2015, quando tinha 24 anos. Na época, era o mais jovem executivo a comandar uma empresa de capital aberto.

Nesse período, ele implantou uma cultura baseada na meritocracia e focou na expansão da rede, que atingiu 754 unidades. Agora, Bueno se preparava para uma nova fase. Seu plano era posicionar a rede como uma fornecedora de informações médicas para os seus diferentes públicos.

“Entramos numa nova fase”, disse Bueno, em entrevista recente à DINHEIRO. “Com tecnologia, podemos ganhar produtividade, diminuir o tempo dos exames e baixar o custo da medicina.”

Tópicos

Dasa Pedro Bueno