Sustentabilidade

Papo responsável

Crédito: Divulgação

Hélio Muniz, diretor da Via Varejo. (Crédito: Divulgação)

Pela primeira vez na história, a Via Varejo adotou os critérios ESG (ambiental, social e de governança) como estratégia institucional com bônus de executivos atrelados às metas da agenda. Sob comando do diretor de Sustentabilidade, Hélio Muniz, a companhia desenha os compromissos e objetivos para os próximos cinco anos.

Estratégia
“Trabalharemos em três frentes: emissão de gases – não somos grandes emissores primários, mas temos uma das maiores cadeias logísticas do Brasil. Energia, com a meta de que 80% de nosso consumo seja de fontes limpas até 2025, hoje está em 20%. E finalmente na ampliação do nosso atual programa de economia circular.”

Reciclagem
“Ao fazermos a entrega de eletroeletrônico de grande porte, recolhemos a embalagem
e a integramos no nosso programa de economia circular que beneficia 250 famílias. O próximo passo é expandir para o grande aparelho em si. A ideia é reciclá-lo assim como fazemos com eletroeletrônicos de pequeno porte, que são recolhidos em postos instalados em 400 lojas da rede.”

Diversidade
“Temos 47 mil colaboradores. Para atender bem nosso cliente, tenho que ser diverso. Tenho que representar o Brasil. Uma das metas é ter 45% de trabalhadores negros (as) e 42% de mulheres em cargos de liderança. Hoje o percentual da rede Via Varejo está na casa dos 30%”

(Nota publicada na edição 1218 da Revista Dinheiro)