Pão de Açúcar quer lucrar com o James

Pão de Açúcar quer lucrar com o James
Ana Paula Paiva/Valo

Dez meses depois de iniciar uma parceria com a plataforma móvel de entregas Rappi, o Grupo Pão de Açúcar resolveu mergulhar de cabeça no negócio. Na última semana, a varejista adquiriu 100% da operação da startup paranaense James Delivery, fundada em 2016 e comandada por Lucas Ceschin (na foto acima, o segundo a partir da esquerda). Os valores envolvidos não foram divulgados. “O grande desafio é trazer a nossa experiência e o conhecimento de varejo para dentro do James e trazer a visão inovadora de um super ‘app’ para ajudar a transformar o nosso negócio”, diz Peter Estermann, CEO do GPA (abaixo). Os “super apps” são aplicativos móveis que reúnem diversas funcionalidades, incluindo a encomenda e a entrega de produtos de restaurantes, drogarias e supermercados. Com atuação limitada apenas a Curitiba e Balneário Camboriú, em Santa Catarina, a startup tem hoje 500 contratos com lojistas e redes como Bob’s e McDonald’s. O GPA promete alavancar a relevância do James e levá-lo para todos os estados onde a companhia atua até o final de 2019. Os idealizadores do projeto agora passam a fazer parte do time de executivos do GPA. Daqui a três anos, todos eles se reúnem para discutir se os objetivos e metas traçadas pela varejista foram alcançados. “Nós vamos ser melhores que a Rappi em três anos. Temos tudo para isso”, disse, em tom imperial, Estermann. Por trás de tudo isso, a aposta da empresa mira a tecnologia e a base de dados gerada pelo James, que será cruzada com apps próprios, como o programa de fidelidade “Meu Desconto”, que já tem 7,5 milhões de downloads.

(Nota publicada na Edição 1100 da Revista Dinheiro, com colaboração de: Felipe Mendes)


Mais posts

Carbono neutro na Rhodia

A Rhodia (Grupo Solvay) fechou 2019 com um índice de 96% de redução de suas emissões de carbono no conjunto industrial químico de [...]

Evento brasileiro tipo exportação

O ERP Summit, considerado o maior evento brasileiro sobre software e gestão, terá uma edição no México, em 2020. O novo destino é parte [...]

A força da Toyota no País

A boa reputação da montadora japonesa Toyota no mercado brasileiro tem ajudado a companhia a impulsionar também sua divisão de luxo, a [...]

Bravo foca em inteligência artificial

Após a criação da Bravo Discovery – focada em Data Analytics – a Bravo GRC dá mais um passo em sua estratégia de negócios orientada para a transformação digital. A partir de março, a sua Inteligência Artificial será lançada no mercado: a Aila. Será a primeira IA orientada exclusivamente para governança, risco e compliance (GRC). […]

Menu australiano no prato dos cearenses

A rede de restaurantes de frutos do mar Coco Bambu, do empresário cearense Afrânio Barreira, está negociando com dois fundos de [...]
Ver mais

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.