Dinheiro na Semana

Pandemia afetou 44,8% das empresas brasileiras

Crédito: Istock

Na terça-feira (18), o IBGE divulgou uma pesquisa que mostra o impacto da crise causada pelo coronavírus em diversos setores da economia brasileira. O estudo analisou as 2,8 milhões de empresas em funcionamento na primeira quinzena de julho no Brasil e constatou que 44,8% delas declaram ter sido negativamente afetadas pela pandemia. Para 28,2% das companhias em atividade no País, os efeitos da pandemia foram pequenos ou inexistentes. Por outro lado, 27% afirmaram ter percebido impacto positivo em seus negócios. Entre os setores, o que mais sofreu foi o de Serviços, com 47% das empresas declarando perdas em virtude do coronavírus. No segmento específico de serviços prestados às famílias, esse impacto foi ainda maior, atingindo 55% das companhias. Em relação ao porte das empresas impactadas, as pequenas sofreram mais (44,9%), enquanto as intermediárias e as grandes ficaram muito próximas, com 39,1% e 39,2% respectivamente. Intitulado “Pesquisa Pulso Empresa: Impacto da Covid-19 nas Empresas”, o relatório foi elaborado pelo grupo de Estatísticas Experimentais do IBGE.

Oi espera captar mais de R$ 2 bilhões para expansão de fibra ótica

Divulgação

Ainda em meio a um processo de Recuperação Judicial e tentando vender parte de seus ativos, a Oi anunciou que prepara a captação de mais de R$ 2 bilhões até o início do ano que vem. Segundo a companhia, esses recursos serão utilizados para a expansão da sua rede de fibra óptica, principal foco da empresa nessa nova fase. Para colocar esse plano em prática, no entanto, a Oi precisa que seus credores aprovem a proposta de aditamento ao plano de Recuperação Judicial, que será submetido à votação em assembleia no dia 8 de setembro. Se a ideia for aprovada, a tele poderá captar os R$ 2 bi para reforçar seu caixa sem precisar de autorização prévia dos credores nem da Justiça. Vista como uma companhia com potencial para sair da crise, a Oi registra alta de cerca de 80% em suas ações ordinárias este ano.

Por coronavírus, Hong Kong proíbe frango da Aurora

Província autônoma da China, o governo de Hong Kong suspendeu a importação de carne de frango da unidade da Aurora Alimentos de Xaxim, em Santa Catarina. A decisão foi tomada após autoridades de saúde do país identificarem a presença de traços do novo coronavírus num lote de asa de frango congelada do frigorífico brasileiro. O caso aconteceu na semana passada, no município de Shenzhen. Em comunicado, o governo de Hong Kong divulgou que a decisão foi tomada “por uma questão de prudência”. A nota oficial afirmou, ainda, que o país “espera por mais investigação do caso e detalhes de teste das autoridades competentes”.

Grupo BIG em processo de renovação

Divulgação

Um ano após anunciar seu plano de reestruturação, o Grupo BIG avança e conclui neste mês a transformação de 100 hipermercados no País. São muitas mudanças. Para começar, as unidades passaram a adotar as bandeiras BIG nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, e BIG Bompreço no Nordeste. Além do processo de descontinuidade da marca Walmart no Brasil, este ano também foi marcado pelo combate à pandemia. Em virtude da Covid-19, a empresa antecipou o lançamento dos projetos digitais BIG em Casa e BIG Click Retire, inicialmente previstos para serem implementados apenas no segundo semestre. Hoje, o serviço de delivery em parceria com aplicativos já está disponível em mais de 200 lojas, com a opção de compra via site e retirada em 50 unidades. O investimento nos formatos de atacado e clube de compras também faz parte da estratégia da varejista, que inaugurou sete lojas das bandeiras Sam’s Club e Maxxi Atacado e reformou outras 40 unidades.

PIB do Japão sofre queda histórica de quase 28%

Divulgação

O coronavírus segue derrubando economias pelo planeta. Agora, foi a terceira maior economia do mundo que divulgou os efeitos da pandemia em suas contas. Na segunda-feira (17), o Japão anunciou que seu Produto Interno Bruto (PIB) sofreu um tombo histórico, de 27,8%, no segundo trimestre deste ano, em relação ao mesmo período de 2019. É a maior queda desde o início da série histórica, em 1980. Segundo o governo local, a retração é resultado do fechamento de lojas e da paralisação da atividade econômica. Outro fator que afetou as contas do país foi a queda nas exportações, já que seus dois maiores parceiros comerciais, China e Estados Unidos, também estão sofrendo com a Covid-19. Como vários outros países – inclusive o Brasil –, o Japão adotou medidas de auxílio financeiro à população, pagando US$ 900 aos cidadãos. Mas o incentivo não foi suficiente para evitar a forte queda do PIB.

Pizza Hut pode fechar 300 unidades nos EUA

Divulgação

A Pizza Hut anunciou que pode fechar 300 restaurantes nos Estados Unidos. A informação foi divulgada após a NPC International, um dos maiores franqueados da rede de pizzarias no mundo, decretar falência devido à pandemia. Na terça-feira (18), a NPC afirmou ter feito um acordo com o grupo Yum!, dono da Pizza Hut, para fechar 25% dos seus restaurantes. A companhia não informou quais deles terão suas atividades encerradas, mas disse que a “maioria substancial” das unidades que tinham espaço para refeições no local fecharão as portas. O acordo prevê que o franqueado terá prioridade para negociar o melhor valor para os pontos a ser vendidos, o que é visto como fundamental para a sobrevivência da NPC. A empresa acumula dívidas de quase US$ 1 bi. Segundo a Pizza Hut, as 300 unidades que serão fechadas “apresentam desempenho muito inferior” em relação a outros restaurantes da NPC.

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?