Finanças

Ouro fecha em queda, no valor mais baixo em uma semana, com Fed em foco

O ouro fechou em queda nesta quinta-feira, no valor mais baixo em período de uma semana. De acordo com analistas do mercado, as cotações do metal precioso responderam a sinalizações sobre política monetária dadas pelo Federal Reserve (Fed, o banco central americano).

Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro para dezembro fechou em queda de 0,71%, a US$ 1.463,60 a onça-troy.

A política monetária dos Estados Unidos deu o tom para o mercado de ouro nesta quinta-feira. Na quarta, o Fed divulgou a ata de sua mais recente reunião, na qual afirmou que a política monetária do país está “bem calibrada”. Investidores interpretaram que o documento ofereceu tom menos “dovish”, afastando a possibilidade de novos cortes de juros no curto prazo, o que deu força aos juros dos Treasuries ao longo de todo o pregão.

Assim, agentes do mercado recorreram à compra de títulos públicos americanos, também considerados ativos de segurança, levando em conta a alta de seus rendimentos, o que tende a pressionar o ouro, outro ativo considerado seguro, mas que não paga retorno.

Nesta sessão, as negociações comerciais entre EUA e China não tiveram forte impacto nos contratos do metal precioso. “A sensibilidade do ouro às manchetes das negociações EUA-China parece estar diminuindo”, afirma Adrian Ash, diretor de pesquisa da BullionVault. “Os investidores estão cansados dessa enxurrada de rumores”, completa. Com informações da Dow Jones Newswires.

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança

Tópicos

mercado de ouro