Finanças

Ouro fecha em queda de 0,14%; na comparação semanal, alta é de 0,61%

O contrato futuro do ouro fechou em leve queda nesta sexta-feira, 24, refletindo uma melhora no sentimento quanto à relação entre Estados Unidos e China.

O metal para junho negociado na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), caiu 0,14%, a US$ 1.283,60 a onça-troy. Na comparação semanal, porém, o ouro subiu 0,61%.

O presidente dos EUA, Donald Trump, afirmou na quinta-feira que um acordo bilateral com a China “está acontecendo rápido”, reacendendo o ânimo do mercado e incentivando a busca por ativos de maior risco.

O ouro, considerado um ativo mais seguro, costuma sofrer queda na demanda quando aumenta a busca por segurança entre os investidores.

A renúncia da primeira-ministra britânica, Theresa May, anunciada oficialmente na manhã desta sexta, também contribuiu para a renovação do apetite por risco no mercado.

O governo de May foi marcado por negociações turbulentas e a premiê perdeu apoio político de aliados do Partido Conservador ao longo desta semana.

Tópicos

mercado de ouro