Finanças

Ouro fecha em alta, recuperando-se após pressão de venda recente

O ouro fechou com ganhos nesta terça-feira, 17, recuperando-se de perdas recentes um dia após encerrar no menor nível em quase três meses. Após tocar essa marca, o contrato do metal se recuperou mesmo em uma terça-feira em geral de menor busca por segurança nos mercados internacionais.

O metal para abril fechou em alta de 2,64%, a US$ 1.525,80 a onça-troy, na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex).

O ouro vem sendo pressionado há alguns pregões, com um movimento generalizado de vendas de investidores que buscam fazer caixa para compensar fortes perdas em outros mercados. Após atingir a mínima de fechamento em quase três meses, porém, houve espaço para uma recuperação.

Na avaliação do analista sênior Edward Moya, da Oanda, o governo dos Estados Unidos mostra mais disposição agora para agir, o que ajudou hoje a “temporariamente retirar o pânico dos mercados”.

Moya avaliou, em entrevista à Dow Jones Newswires, que juros próximos de zero, estímulos massivos e uma resposta fiscal frente ao coronavírus devem continuar a apoiar o metal precioso.

*Com informações da Dow Jones Newswires

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

Tópicos

mercado de ouro