Finanças

Ouro fecha em alta e alcança maior nível desde 2011, por incerteza com pandemia

Crédito: Steve Bidmead/Pixabay

Incertezas criadas pela pandemia, a reabertura de economias e uma possível segunda onda de casos de covid-19 fazem do ouro o principal ativo de refúgio (Crédito: Steve Bidmead/Pixabay)

O contrato futuro mais líquido de ouro fechou em alta nesta terça-feira, 30, alcançando a marca do US$ 1.800 a onça-troy, o maior nível desde 2011. As incertezas criadas pela pandemia, a reabertura de economias e uma possível segunda onda de casos de covid-19 fazem do ouro o principal ativo de refúgio, apontam analistas. Embora o mercado acionário – considerado mais arriscado – se mantenha atrativo pelo excesso de liquidez injetado pelos bancos centrais, o ouro continua sendo procurado como investimento de segurança para momentos instáveis e de oscilação.

Maioria das Bolsas da Europa fecha em queda

Bolsas asiáticas fecham em alta após novos sinais de recuperação da China

Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange, o ouro para agosto encerrou em alta de 1,08%, a US$ 1.800,50 a onça-troy.

Uma grande oscilação foi observada nos mercados financeiros hoje, respondendo a cada notícia sobre a pandemia de covid-19. O tom cauteloso de banqueiros centrais que discursaram nesta terça-feira, além das tensões entre EUA e China, deixaram o mercado com um pé atrás. Ao mesmo tempo, a reabertura das fronteiras na Europa e perspectivas de uma vacina contra a covid aumentaram o otimismo e a esperança na recuperação. Com isso, o ouro se beneficiou mais uma vez como porto seguro em momentos de incerteza.

“O ouro é uma das únicas classes de ativos importantes a ter um retorno no acumulado do ano positivo”, disse Jeff Klearman, gerente de portfólio da GraniteShares. “A destruição da demanda atingiu os EUA e economias globais e, em seguida, a resposta sem precedentes de estímulo monetário e fiscal resultante aqui e no exterior desempenharam o papel da principal força motriz por trás do desempenho do ouro este ano”, complementou.

*Com informações da Dow Jones Newswires.

Veja também

+ Sandero deixa VW Polo GTS para trás em comparativo
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial
+ Ivete Sangalo salva menino de afogamento: “Foi tudo muito rápido”
+ Bandidos armados assaltam restaurante na zona norte do RJ
+ Mulher é empurrada para fora de ônibus após cuspir em homem
+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?