Sustentabilidade

Operador de navio que derramou petróleo nas Ilhas Maurício promete US$ 9,4 milhões

Operador de navio que derramou petróleo nas Ilhas Maurício promete US$ 9,4 milhões

O "MV Wakashio" perto da costa das Ilhas Maurício em 17 de agosto de 2020 - AFP/Arquivos

O operador japonês de um navio que derramou petróleo na costa das Ilhas Maurício se comprometeu a pagar ao menos 9,4 milhões de dólares para ajudar a restaurar as áreas afetadas.

A empresa Mitsui OSK Lines afirmou em um comunicado que pretende “contribuir com um fundo total de quase um bilhão de ienes durante vários anos para apoiar as medidas” de recuperação do meio ambiente marinho.

As medidas incluem projetos de proteção de manguezais e corais em parceria com especialistas e ONGs locais, assim como a criação de um fundo para a recuperação do meio ambiente.

A empresa operava o “MV Wakashio”, que encalhou em 25 de julho perto da costa das Ilhas Maurício quando transportava 4.000 toneladas de combustível. O petróleo começou a vazar pouco depois.

Depois que o navio se partiu em dois, a maior parte foi rebocada para alto-mar e afundou, mas a parte menor permanece presa no recife.

De acordo com analistas, mais de mil toneladas de petróleo vazaram da embarcação.

Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago