Política

Operação Santinhos prende Pastor Manuel e Dra. Juliana, deputados eleitos no AC

A Polícia Federal prendeu nesta terça-feira, 11, dois deputados eleitos em outubro no âmbito da Operação Santinhos. A investigação mira em desvios de recursos públicos do fundo partidário e do fundo especial de financiamentos de campanha, além de outros crimes eleitorais e lavagem de capitais.

Foram detidos o deputado federal eleito Pastor Manuel Marcos – atual presidente da Câmara de Rio Branco – e a estadual eleita Doutora Juliana. Ambos os parlamentares são do PRB. O pastor recebeu 7.489 votos, ou 1,76%. Já Juliana levou 5.990 votos (1,41%).

Em nota, a PF informou que mais de 100 policiais federais de vários Estados auxiliaram no cumprimento de 17 mandados de busca e apreensão em residências e gabinetes de investigados, em órgãos públicos, na Câmara de Vereadores e na Assembleia Legislativa do Acre. Também foram cumpridos oito mandados de prisão expedidos pela Justiça Eleitoral do Acre.

Defesas



A reportagem está tentando contato com as defesas dos deputados. O espaço está aberto para as manifestações.

Veja também
+ Como podcasts podem ajudar na educação financeira do brasileiro
+ Mistério: mulher descobre que não é a mãe biológica de seus próprios filhos
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km