Edição nº 1134 19.08 Ver ediçõs anteriores

Onças-pintadas invadem São Paulo

Onças-pintadas invadem São Paulo

O jaguar, maior felino das Américas, vai agitar as avenidas de São Paulo. Mas não se assuste. É apenas a Jaguar Parade, uma intervenção artística urbana realizada pela Artery e que reúne esculturas de onças-pintadas estilizadas. São 90 peças que serão coloridas em um ateliê aberto ao público no Shopping Market Place Iguatemi. No fim de setembro, quando a primeira fase da aventura terminar, as esculturas ficarão expostas por um mês nos shoppings JK Iguatemi, Iguatemi São Paulo e Pátio Higienópolis. Em outubro, as peças ganharão as ruas e praças da cidade. “A onça-pintada é um dos maiores símbolos da fauna silvestre brasileira, mas infelizmente já está quase ameaçada de extinção”, diz Giovane Pasa, sócio diretor da Jaguar Parade Brasil. Em 29 de novembro, a Artery realizará um leilão das obras. Metade do valor arrecadado será destinado a entidades e ONGs que atuam para preservar a onça-pintada e seu ecossistema, como a Onçafari, o SOS Pantanal e a Ampara Animal.

(Nota publicada na Edição 1133 da Revista Dinheiro)


Mais posts

Whiskas promove adoção e castração de gatos de rua

O ditado diz que os gatos têm sete vidas. Mas para muitos dos bichanos, a única vida que possuem é triste, sem lar, entregue a própria [...]

Americanas leva curso de empreendedorismo para Amazônia

Decorrente de uma parceria firmada com a Fundação Amazonas Sustentável (FAS), em 2018, a Lojas Americanas está promovendo alternativas [...]

Alemanha bloqueia R$ 156 milhões para projetos ambientais no Brasil

Em junho, Jair Bolsonaro celebrou um acordo histórico: o trato de livre comércio entre o Mercosul e a União Europeia, que já era discutido há duas décadas. A decisão, no entanto, pode estar em risco. Após uma série de atritos envolvendo países europeus e o Brasil, por sua postura inerte em relação ao avanço do […]

McDonald’s quer McLanche feliz mais saudável

A Arcos Dorados, franqueadora master do McDonald’s para América Latina, decidiu repaginar o cardápio de um de seus principais itens: o [...]

Desmatamento na Amazônia cresce 278% em julho

A exoneração de Ricardo Galvão, diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), no dia 2 de agosto, não foi suficiente [...]
Ver mais