Giro

OMS: parte dos novos casos ocorre por jovens que têm relaxado prevenção à covid

O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, afirmou nesta Quinta-feira (30) durante entrevista coletiva que há evidências de que surtos da covid-19 em alguns países têm sido impulsionados “em parte por pessoas mais jovens baixando sua guarda durante o verão no Hemisfério Norte”. Em suas palavras iniciais, ele alertou para o fato de que os jovens, embora menos sujeitos em geral a versões graves da doença, “não são invencíveis” e podem também desenvolver quadros graves.

“Os jovens podem ser infectados; os jovens podem morrer; e os jovens podem transmitir o vírus para outros”, alertou o diretor-geral. Neste contexto, ele anunciou a criação de um grupo técnico de aconselhamento sobre ciências comportamentais. A intenção é usar conhecimentos de várias áreas para ampliar e aprofundar o trabalho da OMS em ciência comportamental e apoiar o trabalho de oferta de conselhos de saúde, de modo mais eficaz, disse Ghebreyesus, inclusive na pandemia atual.



Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago