Giro

O que o perfil “sem noção” de Elon Musk pode ensinar sobre negócios

Crédito: Reprodução/Instagram Elon Musk

Elon Musk reúne visão, obstinação, talento e um pouco de "loucura" em seus negócios (Crédito: Reprodução/Instagram Elon Musk)

Um dos homens mais ricos do mundo, o bilionário Elon Musk, CEO da Tesla e da agência de turismo espacial SpaceX, sempre gerou polêmica. Seja com seu estilo ultra ambicioso ou por vezes insistir em negócios que parecem não fazer tanto sentido, o sul-africano de Pretória coleciona fãs e críticos em todo o mundo. Porém, Musk precisou de mais do que talento para conquistar praticamente tudo o que se propôs a alcançar em sua trajetória profissional.

A primeira característica marcante do dono de U$ 151 bilhões, segundo o ranking da Forbes 2021, é sua capacidade empreendedora, mas, mais do que isso, a combinação entre talento, visão, uma determinação inabalável e uma “loucura” que o faz ir além de onde a maioria chega. Com 12 anos, Musk aprendeu programação, criou um jogo de video-game e o vendeu a uma revista por U$ 500 – que ainda pode ser jogado online.

+ Briga de bilionários: Musk ironiza Bezos por cópia em projeto espacial
+ Musk diz que Tesla deve lançar protótipo de robô humanoide em 2022

Nerd assumido, Musk sempre citou a importância da literatura em sua formação: “Fui criado por livros. Livros, e depois meus pais”, disse em uma entrevista histórica à Rolling Stone, na qual também fala sobre a relação conturbada com o pai, Errol Musk.



Seu primeiro grande negócio foi o Zip 2, plataforma digital de jornais vendida por U$ 300 milhões em 1999. Depois, criou a X.com, que viria a tornar-se o PayPal, comprado pelo eBay em 2003. Desde então, foram diversos empreendimentos bem sucedidos: OpenAI, Neuralink, Gigafactory, Hyperloop, SolarCity, The Boring Company.

As dicas de Elon Musk para ter sucesso profissional

– Tenha perseverança
Ex-mulher de Musk, Talulah Riley afirmou que Musk é obcecado com tudo o que faz e não descansa até obter sucesso. Uma história que ilustra é sua negociação com o governo russo para a compra de foguetes: depois de duas tratativas frustadas e de não ser levado a sério, Musk decidiu criar o próprio foguete. A SpaceX realizou recentemente, com sucesso, um voo espacial.

– Seja perfeccionista
Ser o melhor no que se propuser a fazer. Exemplo são os carros elétricos desenvolvidos pela Telsa: além de utilizarem energia renovável, são rápidos, bonitos e possuem a tecnologia mais inovadora do mundo.

– Leia muito e siga suas preferências
Musk leu toda a Enciclopédia Britânica aos 9 anos simplesmente porque lia tudo o que aparecia na frente. Musk frequentemente desdenha da educação formal para valorizar pessoas autodidatas e que buscam com autonomia o conhecimento.

– Trabalhe duro
Musk defende que longas jornadas de trabalho são essenciais para ter sucesso: ele chegou a trabalhar 80 horas semanais.

– Tenha visão clara do que você quer
Elon Musk conta que sempre sonhou em criar um carro movido a eletricidade, o que surgiu ainda criança quando aprendeu que as reservas de petróleo são limitadas. Então, graduou-se em física

– Evite longas reuniões
Segundo Musk, longas reuniões “são pragas para toda a empresa e quase sempre pioram com o tempo”. Ele aconselha seus funcioários a evitarem reuniões desnecessárias e só permanecer nelas caso agreguem valor. “A frequência das reuniões deveria diminuir a menos que seja um assunto urgente”.

– Comunique-se de forma direta, além da hierarquia
“Comunicação deve percorrer o caminho mais curto para um trabalho bem feito, não através da “cadeia de comando”. Um grande problema é a má comunicação entre os departamentos”.

– Use o senso comum e evite seguir regras
Musk acredita que algumas regras podem diminuir a eficiência de uma empresa e, ao burlá-las, é recomendável usar o senso comum.

– Habilidades acima da formação
Embora admita que a educação formal seja importante, Musk acredita que as habilidades específicas e a capacidade de solucionar problemas acima da média são mais relevantes.

As informações são baseadas em um e-mail divulgado por Musk à sua equipe em 2018 e em 3 livros sobre sua história: de Ashlee Vance, um escrito por sua mãe, Maye Musk e “A Vida, Lições e Regras para o Sucesso“.

Veja também
+ Como podcasts podem ajudar na educação financeira do brasileiro
+ Mistério: mulher descobre que não é a mãe biológica de seus próprios filhos
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km