O atum de R$ 7,3 milhões

O atum de R$ 7,3 milhões

Realizado no domingo 5, o tradicional leilão de Ano Novo do mercado de peixes de Tóquio, no Japão, teve como grande destaque a venda de um atum gigante. Pesando 276 quilos, essa beleza dos mares orientais foi capturada na costa de Aomori, no norte do país. Mas o que realmente chamou a atenção do mundo foi o valor pago pelo peixinho: US$ 1,8 milhão, algo em torno de R$ 7,3 milhões. Quem ofereceu o lance mais alto e levou o superatum para casa foi o empresário japonês Kiyoshi Kimura, dono da rede de restaurantes Sushi Zanmai. “É caro, né?”, disse Kimura, sorrindo, a jornalistas, logo após a compra. “Mas vale a pena. Quero que meus clientes comam muito bem durante 2020”. E haja sushi.

(Nota publicada na edição 1153 da Revista Dinheiro)

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança


Mais posts

Monopusher Chronograph

Essas duas peças pertencem à mesma série, a Monopusher 1858, um dos pilares técnicos da marca. O nome remete ao fato de ambos possuírem [...]

Gin de alma espanhola

Criado a partir de sete destilações – muitas delas centradas em plantas cítricas –, o Le Tribute é um gin vibrante, com notas de [...]

Tempo de sofisticação

Com mais de 160 anos de tradição, a Montblanc é uma das grifes de luxo mais respeitadas do mundo, célebre por seus relógios robustos e [...]

Clássico e valente

Nos anos 1960, os carros da montadora italiana Alfa Romeo faziam sucesso em todo o mundo, tanto dentro quanto fora das pistas. Uma das [...]

Um Patrimônio em forma de anel

Considerado um dos mais belos e intrigantes monumentos arqueológicos do mundo, as formações de Stonehenge (no detalhe), na Inglaterra, [...]
Ver mais

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.