Finanças

Nubank anuncia operações na Argentina dois meses depois de estrear no México

Fintech brasileira mira em potencial de 16 milhões de pessoas que não tem acesso aos bancos tradicionais argentinos

Crédito: Divulgação

A revelação surge em um momento em que a fintech passa por questionamentos sobre sua segurança e capacidade de sobreviver aos balanços baixos (Crédito: Divulgação)

A fintech brasileira Nubank anunciou nesta quarta-feira (12) a abertura do serviço na Argentina, com um mercado em potencial de 16 milhões de pessoas que não tem acesso aos bancos tradicionais. O início das operações ocorre menos de dois meses após a companhia chegar ao México. Atualmente, a rede tem 8,5 milhões de clientes no Brasil e mais de 9 milhões na América Latina.

“O Nubank iniciou uma revolução financeira há seis anos e mudou para sempre a indústria no Brasil, ampliando a concorrência e oferecendo melhores serviços para milhões de consumidores. Entramos no México recentemente e agora estamos dando o próximo passo para levar nossa revolução também para a Argentina” disse David Vélez, fundador do Nubank, em comunicado.

A fintech brasileira fundada em 2013 já arrecadou US$ 420 milhões em sete rodadas de investimentos, incluindo aportes da Sequoia Capital, Tiger Global Management, Thrive Capital e Tencent. Segundo a agência de notícias Reuters, o Nubank está em negociações para receber um novo investimento liderado pelo grupo japonês SoftBank.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel