Economia

Novos empréstimos na China atingem em setembro maior valor em seis meses

Os bancos chineses liberaram 1,69 trilhão de yuans (US$ 239,14 bilhões) em novos empréstimos em setembro, o maior valor em seis meses, segundo dados publicados hoje pelo Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês).

O montante não apenas superou o valor de 1,21 trilhão de yuans registrado em agosto, como também ficou acima da previsão de 15 analistas consultados pelo The Wall Street Journal, de 1,4 trilhão de yuans em novos empréstimos.

O financiamento social total, uma medida mais ampla do crédito na economia chinesa, avançou de 2,018 trilhões de yuans em agosto para 2,27 trilhões de yuans em setembro.

Já a base monetária da China (M2) teve acréscimo anual de 8,4% em setembro, depois de subir 8,2% em agosto. Economistas previam avanço um pouco menor no mês passado, de 8,3%. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tópicos

China empréstimos