Giro

Novavax participará de estudo de Oxford que combina diferentes vacinas

A farmacêutica Novavax informou nesta quarta-feira, 14, que seu imunizante contra o coronavírus fará parte da fase 2 de um estudo conduzido pela Universidade de Oxford “para avaliar o potencial de regimes combinados que misturam vacinas de diferentes fabricantes para obter proteção imunológica contra Covid-19”. Ou seja, a vacina usada na primeira dose será distinta da empregada na segunda dose.

O ensaio incluirá 1.050 participantes, com 50 anos ou mais, que receberam a primeira dose da vacina oito a 12 semanas antes, disse a empresa. “Os participantes voluntários do estudo receberão uma das quatro vacinas diferentes como uma segunda dose”, explicou a Novavax. “A pesquisa vai comparar as respostas do sistema imunológico daqueles que recebem um regime heterólogo com aqueles que recebem um regime homólogo.”

De acordo com o professor associado de pediatria e vacinologia da Universidade de Oxford e pesquisador-chefe do ensaio, Matthew Snape, o foco dos estudos é identificar se as vacinas contra a covid-19 podem ser usadas de forma mais flexível.

“Se pudermos mostrar que esses esquemas mistos geram uma resposta imunológica tão boa quanto os cronogramas padrão, isso pode permitir que mais pessoas concluam seu curso de imunização contra a covid-19 mais rapidamente”, acrescentou Snape. Fonte: Dow Jones Newswires

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel