Tecnologia

E-COMMERCE

RECUSADO AQUI, ACEITO LÁ FORA

Durante dois anos, o governo federal usufruiu gratuitamente de um software de compras desenvolvido pela brasileira Vesta. Em maio, o programa foi retirado do ar por divergências operacionais. Mas o reconhecimento está vindo de fora. A Organização dos Estados Americanos (OEA) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) abriram uma linha de financiamento para os países interessados no portal de compras desenvolvido pela Vesta. A facilidade de crédito é uma forma de estimular a transparência nas transações entre empresas e governos de todo o continente. ?Ao fazer as compras eletronicamente, o risco de irregularidades cai para zero?, diz Paula Santos, diretora da Vesta. A companhia já vendeu seu software e programas de consultoria para nove países da América Latina, incluindo Bolívia, El Salvador e Argentina. O software também foi considerado como a melhor solução de compras pela Comunidade Européia e Portugal já mostrou interesse.

PINGÜIM MÓVEL

A Sharp colocou no mercado três novas versões de computador de mão com o sistema operacional Linux. Com o aparelho, o usuário consegue acessar e-mails e navega na internet. Os aparelhos custam em média US$ 439,99. Outra empresa, a americana Element, lançou um Tablet PC com o software aberto a US$ 999. O valor é bem menor do que o das pranchetas virtuais dos concorrentes Hewlett Packard e Toshiba, que vendem tablets com Windows entre US$ 1.300 e US$ 2.200.

DOUTOR À DISTÂNCIA

A Automatos, empresa de software, começa a vender seu doutor virtual para empresas de call center. Trata-se de um programa que monitora o computador do usuário e identifica problemas como falta de memória e velocidade lenta. ?Queremos triplicar o faturamento de R$ 6 milhões em 2004?, diz André Fonseca, diretor da Automatos. O primeiro cliente é a Contax.

IG NO CINEMA

O provedor gratuito iG anunciou que irá projetar nas telas dos cinemas digitais da rede Severiano Ribeiro notícias esportivas, culturais e econômicas, além da meteorologia e a situação do trânsito. A Severiano tem salas em São Paulo, Campinas, Rio, Goiânia, Porto Alegre, Curitiba e Brasília. Para quem vai ao cinema para relaxar, isso pode atrapalhar o passeio.

APPLE SE RENDE À MICROSOFT. DE NOVO

A rivalidade entre Steve Jobs, da Apple, e Bill Gates, da Microsoft, está cada dia mais branda. Na última semana, a Apple anunciou mais um produto compatível com o sistema operacional da concorrente: o iPhotos, para tratamento de imagens. Ao fazer isso, Jobs sabe que aumenta o tamanho de seu público. Menos de 5% dos usuários de computadores possuem um Mac.

CHARME NA TELA DO MONITOR

Os eventos corporativos se transformaram em uma vitrine de novas tecnologias. No último espaço inaugurado em São Paulo, uma atendente virtual (foto) recebe os visitantes. Na atração criada pela Modern Marketing, a recepcionista
fica escondida num canto e sua imagem é transmitida para um monitor de plasma. A
Modern é a maior empresa de efeitos especiais para eventos do Brasil.

BANHO INTELIGENTE

A Saltonic lançará no dia 15 uma piscina totalmente informatizada. O equipamento regula automaticamente a temperatura, a quantidade de cloro e o pH. Em uso na Europa e na África do Sul, o equipamento passa atualmente pela última bateria de testes no Rio de Janeiro. A empresa anda animada com as perspectivas. ?Em dois anos o Brasil será o segundo país no mundo em número de piscinas, só perdendo para os Estados Unidos?, acredita o francês Alain Parailloux, presidente da empresa. O preço vai de US$ 950 a US$ 4.400, dependendo do nível de automatização da piscina.

PROCURA-SE ANIMAL
DE ESTIMAÇÃO

Os chips de identificação não são mais privilégio de avestruz e gado. No Brasil, sete companhias vendem modelos para animais domésticos. O chip injetável traz informações sobre o animal, os contatos de seu dono e custa aproximadamente R$ 30. O que dificulta a popularização da tecnologia é o custo da leitora, acima de US$ 1.300. ?Não é todo veterinário que pode arcar com um valor desses?, diz Joni Petrovich, vice-presidente da Federação Cinológica de São Paulo.

CHECK-IN SEM FILA

Hotéis do Sul do País já contam com recepção automatizada. A Ticketbank, a Perto e a Desbravador vendem um totem que dispensa qualquer outro contato humano. Basta preencher um cadastro e escolher o quarto num mapa digital. No final da estadia, o cliente acerta o valor com cartão de crédito ou débito. O investimento foi de apenas US$ 1 milhão.

VITÓRIA DE MURDOCH

O Departamento de Defesa americano e o FBI aprovaram a compra da DirecTV pela News Corp, do magnata da mídia Rupert Murdoch. No mundo, essa ação deve levar à fusão entre as opera-
doras de televisão por assinatura via satélite DirecTV e Sky, de Murdoch. No Brasil, como a DirecTV está em processo de concordata,
nada deve mudar por enquanto.

NA MESMA

Segundo a fabricante de celulares Nokia, o mercado global de telefones móveis deve crescer 10% em 2004. Apesar da boa
nova, a empresa anunciou que seu faturamento com os tele-
fones não irá superar o deste ano, uma vez que seus preços
estão caindo rapidamente.