Investidores

FECHADO PARA SUA FESTA

Imagine fazer uma festa para um pequeno grupo de amigos com um show exclusivo do gigante do blues B.B. King. Não gosta de blues? Então que tal convidá-los para um cruzeiro marítimo sem que estranhos embarquem no mesmo roteiro. Tem medo do mar? Tudo bem, outra alternativa é festejar no maior parque de diversões da América Latina e não pegar uma fila para entrar nos brinquedos. Pois é, não são apenas famosos como Xuxa, a rainha dos baixinhos, e o playboy Alexandre Acioly que oferecem grandiosas festas em lugares exclusivos como, respectivamente, o parque de diversões Hopi Hari, no interior de São Paulo, e a Ilha Fiscal, no Rio de Janeiro. Você também pode preparar uma recepção de arromba em um lugar inusitado.

 

O navio Costa Clássica, por exemplo, pode ser inteiramente seu por US$ 130 mil a diária. Isso mesmo, um dos mais elegantes e charmosos navios europeus com 219 metros, 654 cabines, restaurantes, cassino, teatro e 617 tripulantes estará à sua disposição e de mais 1,6 mil convidados em um trajeto que sai de Santos, em São Paulo, e vai até o Rio de Janeiro. Mas não pense que é assim tão fácil. Imagine ter de quebrar a cabeça para escolher uma banda de música ou a decoração adequada? E as negociações que envolvem valores? Por isso uma boa opção pode ser contratar uma empresa especializada. ?A vantagem é que o cliente não precisa falar com dezenas de fornecedores para organizar a festa. Ele nos contrata e resolvemos tudo?, diz Cecília Rotemberg, diretora da Mktática, empresa de eventos que atende gigantes como Microsoft, Samsung e Oregon Scientific.

Qualquer lugar pode virar o palco de uma comemoração. Até mesmo aqueles freqüentados por milhares de pessoas se transformam num evento particular para poucos convidados. É o caso do parque de diversões Hopi Hari, no interior de São Paulo. Com capacidade para receber 23 mil pessoas, ele pode ser alugado durante as segundas-feiras (dia em que não abre para o público) para um pequeno grupo de 50 pessoas por R$ 50 mil. Mas se você preferir fazer a festa em outro dia da semana, é possível fechar o Hopi Hari após o horário de funcionamento. Ou seja, depois das 20 horas, durante a semana, e 22 horas no fim de semana. Neste caso, o preço salta para R$ 200 mil. ?O céu é o limite para quem pretende fazer um evento. Gasta-se quanto o cliente quiser?, diz Cecília.

Os valores mudam a cada exigência. O Bourbon Street Bar, por exemplo, é um local sofisticado onde uma festa com coquetel e jantar custa R$ 100 por pessoa. Mas se você quiser contratar o astro do blues B.B. King, o valor certamente irá para as alturas.
?É nessa hora que brigamos mais por preços melhores?, completa Cecília.

Contatos: MKtática no telefone (0xx11) 3873-3858