Investidores

Viagem sem erro

Até um ano atrás era impossível comprar passagens aéreas e pacotes turísticos pela Internet no Brasil. Simplesmente faltavam sites especializados e, por mais que você fizesse toda a pesquisa de preço na rede, na hora da compra era inevitável um contato pessoal (ou pelo menos por telefone) com a empresa. Agora é diferente. Você faz tudo pelo micro: compara tarifas, reserva e compra o bilhete em poucos minutos. DINHEIRO analisou os cinco maiores sites de venda de passagem aérea ? todos no ar há menos de quatro meses. Para escolher o melhor, os sites foram testados em seis pontos: a facilidade de navegação; a comparação de dados (se é possível, por exemplo, escolher pelo menor preço ou por horário de vôo); entrega em casa (inclusive o tempo que leva para você receber o bilhete); formas de pagamento; os serviços de informação (dados sobre turismo e dicas úteis de viagem) e a facilidade de acesso (onde você pode navegar sem preencher cadastros e responder dezenas de perguntas).