Finanças

CARTÕES DE DEUS

Os fiéis contam com um novo meio para contribuir para as igrejas evangélicas. Depois dos plásticos que trazem escudos de times de futebol ou os símbolos de organizações ambientais, agora chegou a vez dos cartões de crédito dos movimentos religiosos. No final do ano passado, foi lançado o cartão da entidade assistencial Adra, da Igreja Adventista do 7º dia. O cartão religioso funciona como outro qualquer. A diferença é que 30% da anuidade vai para as entidades religiosas. ?É uma maneira de as pessoas ajudarem os projetos sociais das igrejas que freqüentam?, diz Jair Scalco, diretor da Bradesco Cartões.

Além do recém-lançado Adra Visa, já existem pelo menos outros três cartões religiosos na praça. A pioneira foi a Fundação Renascer, da bispa Sônia Hernandes, que lançou em 1994 o Gospel Bradesco Visa. Depois veio a Casa Publicadora das Assembléias de Deus e a Convenção Batista Brasileira. Esse movimento já levou à emissão de 21 mil plásticos. É só o início. Existem mais de 20 milhões de evangélicos com potencial consumidor no Brasil. Além de servir como um ?dízimo de plástico?, os fiéis ainda podem acumular milhas com o programa Smart Club e trocá-las por prêmios como passagens aéreas.

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?