Economia

Correção: SP atinge nível recorde de desemprego

A nota enviada anteriormente contém um erro de grafia no título. Segue o texto corrigido na íntegra.

A taxa de desemprego na região metropolitana de São Paulo atingiu em novembro o nível mais baixo da série histórica apurada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) desde 2002, passando de 5,9% em outubro para 5,5% no mês passado. Mas, ao contrário do que ocorreu na média da indústria nacional, que teve seu resultado influenciado pela maior contração temporária para o comércio, a taxa de São Paulo foi motivada pela número menor de pessoas procurando trabalho.

Segundo o gerente da Pesquisa Mensal de Emprego, Cimar Azeredo, ainda é cedo para avaliar o motivo dessa menor procura. Uma das possibilidades, destacou, pode ser o fato de parte dessa população já ter agendado trabalho temporário para dezembro e, por isso, ter parado de procurar em novembro. Na região metropolitana paulista, a população não economicamente ativa cresceu 1,1% frente o mês anterior, enquanto a ocupação caiu 0,3%. Já o número de desocupados caiu 6,6%.

Azeredo pondera que a cidade de São Paulo ainda é a que apresentou a maior queda na taxa de desemprego no ano se comparado ao mesmo período do ano passado, passando de 8,1% em novembro de 2009 para 5,5% no mês passado. “De longe, São Paulo é a região que mais gera queda na taxa de desocupação”, afirmou.

Copyright © 2010 Agência Estado. Todos os direitos reservados.