Estilo

Nissan prepara série limitada do GT-R50 a US$ 1,1 milhão

Serão produzidas apenas 50 unidades do veículo em comemoração aos 50 anos do modelo GT-R; anúncio ocorre em meio escândalos na montadora japonesa

Nissan prepara série limitada do GT-R50 a US$ 1,1 milhão

Modelo será lançado em comemoração aos 50 anos do lançamento do GT-R

Apesar do caos com a prisão do ex-CEO Carlos Ghosn e as acusações na Justiça japonesa, a vida segue para a Nissan. A montadora anunciou o lançamento de uma linha exclusiva do modelo GT-R50, com valor inicial estimado em US$ 1,1 milhão (aproximadamente R$ 4,3 milhões). O carro integra as comemorações dos 50 anos do lançamento do GT-R.

Serão produzidas apenas 50 unidades do modelo entre 2019 e 2020, em uma parceria com a italiana Italdesign. O modelo é uma extensão do Nissan GT-R, já um dos carros mais cobiçados do mundo, com custo de US$ 100 mil (cerca de R$ 390 mil). A nova versão foi idealizada apenas como um carro conceito, porém, com o grande interesse do mercado, a montadora resolver fazer uma linha limitada.

Com tração nas quatro rodas, um potente motor V6 com turbo compressor e uma transmissão automática de seis marchas, o GT-R tem uma velocidade máxima de quase 320 quilômetros por hora. Com 710 cavalos de potência, os motores do GT-R50 serão ainda mais robustos.

Os motores Nissan GT-R, não apenas aqueles destinados ao uso no GT-R50, são produzidos em uma fábrica em Yokahama, no Japão. Cada um é feito por um engenheiro separado, cuja assinatura é gravada ao motor.