Edição nº 1126 20.06 Ver ediçõs anteriores

Nespresso da limpeza

Nespresso da limpeza

José Luiz Majolo, executivo com vasta experiência no mercado financeiro, já havia deixado o mundo dos bancos para criar a TerpenOil, empresa que fabrica produtos de limpeza à base de componentes naturais como o terpeno cítrico. Até então, atendia apenas clientes corporativos. Mas eis que a companhia criou uma nova empresa para atender o varejo: a YVY. E o modelo adotado se assemelha ao da Nespresso. Os clientes compram borrifadores com as cápsulas de limpador multiuso, lava roupas, desengordurante. “Noventa por cento de um produto é feito de água”, diz Marcelo Ebert, CEO da YVY e sócio de Majolo na TerpenOil. Além de vender online, a companhia também tem assinaturas que variam de R$ 120 a R$ 190.

(Nota publicada na Edição 1082 da Revista Dinheiro, com colaboração de: Pedro Arbex)


Mais posts

A gente não quer só salário

Em um processo seletivo, só o salário oferecido não basta para atrair bons profissionais. Para 40% dos entrevistados pelo 8º Índice de [...]

Eurofarma olha para fora

O laboratório brasileiro Eurofarma, uma das maiores do setor na América Latina e com negócios em 20 países, vai intensificar seu [...]

Mais um rival para o Netflix

Foi no início da década de 1960 que a BKS começou a entrar nos lares brasileiros – e já naquela época, por meio da televisão. [...]

Veloe não perde tempo

A guerra do mercado de pagamento eletrônico de pedágios se acirra mais a cada dia. Ao mesmo tempo em que o banco digital C6 inicia [...]

Plano de engorda dos lucros

O mercado de produtos naturebas nunca cresceu tanto como nos últimos anos – e deve ganhar ainda mais musculatura daqui para frente. [...]
Ver mais