Negócios

Neoenergia: obras dos projetos eólicos da PEC devem começar entre 2023 e 202

O presidente da Neoenergia, Mario José Ruiz-Tagle Larrain, afirmou que os 400 MW de projetos eólicos “greenfield” adquiridos recentemente da PEC Energia devem ter as obras iniciadas entre 2023 e 2024. “Esses 400 MW adicionais entrarão no pipeline para começar as obras entre 2023 e 2024”, afirmou o executivo, que participa neste momento de um evento sobre fontes renováveis de energia.

Atualmente, a Neoenergia está construindo 1,037 mil MW de capacidade instalada de usinas eólicas no Brasil, sendo 471,2 MW na Paraíba e 566,5 MW entre Piauí e Bahia, com energia comercializada tanto no mercado regulado das distribuidoras quanto no ambiente de contratação livre. Os projetos adquiridos da PEC estão localizados na Serra da Gameleira, na Bahia, e compreendem área total de aproximadamente 7.800 hectares.

Como uma das principais investidoras em renováveis no Brasil, a Neoenergia viu como um movimento positivo a proposta do governo federal de retirar os subsídios para essas fontes na Medida Provisória 998. Para o executivo, os descontos nas tarifas de uso de transmissão (TUST) e distribuição (TUSD) foram importantes para ajudar na expansão das usinas eólicas e solares, contribuindo para a expressiva redução do preço da energia destas fontes nos últimos anos.

Contudo, dado o grau da competitividade de ambas as fontes, o presidente da Neoenergia reconheceu que os subsídios já não são mais necessários no País. “Os subsídios foram positivos, mas o Brasil desenvolveu uma indústria nacional em toda a cadeia de suprimento de equipamentos”, justificou.

A retirada dos subsídios também tem a vantagem de tornar mais claros os custos do setor e a precificação da energia. Ruiz-Tagle Larrain ponderou que o governo brasileiro precisa ser capaz de garantir que o preço mais baixo da energia se reflita nas tarifas da conta de luz, que estão elevadas. “As tarifas carregam muitos impostos”, afirmou.

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?