Economia

‘Nem Bolsonaro defende reforma enviada por Guedes, ele tem vergonha’, diz Molon

O líder da oposição, deputado Alessandro Molon (PSB-RJ), disse nesta quarta-feira, 3, que a reforma da Previdência não é defendida nem pelo próprio presidente Jair Bolsonaro. “O Bolsonaro tem vergonha de falar dessa reforma, ele foge do tema nas redes sociais mais do que o diabo foge da cruz. Essa proposta é cruel”, afirmou, em audiência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados.

Molon defendeu que as mudanças comecem por taxação de grandes fortunas e de dividendos, e disse que isso seria apoiado pela oposição. Para o deputado, adotar a capitalização, como no Chile, é um “suicídio”. Ele disse ainda estar de acordo que tenha que pedir “sacrifício” a servidores, mas defendeu que o proposto “não é justo”.

Molon disse ainda que a proposta está repleta de inconstitucionalidade e que acaba com a Previdência. “Isso aqui não é teste de tranquilidade ou fala mansa; queremos respostas”, cobrou. “Guedes quer trocar avião jumbo que precisa de reparos por aviões individuais, é cada um por si e Deus por todos”, disse.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel