Economia

Negociações sobre Brexit ‘avançam’ e seguem noite adentro

Negociações sobre Brexit ‘avançam’ e seguem noite adentro

Manifestante pró-União Europeia protesta do lado de fora das Casas do Parlamento, em Londres - AFP

As negociações sobre o Brexit “avançam e vão continuar esta madrugada”, disse nesta quinta-feira à noite o porta-voz-chefe da Comissão Europeia, Margaritis Schinas.

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, “conversou por telefone com o primeiro-ministro irlandês, Leo Varadkar, e, depois, com (a primeira-ministra britânica) Theresa May. Fizemos muito progresso, mas ainda não chegamos ao fim. As discussões vão continuar por toda noite”, tuitou Schinas.

Bruxelas e Londres tentam fechar daqui até o final desta semana um acordo sobre os principais aspectos da separação antes de começar a segunda fase de negociações dedicada a sua futura relação.

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, anunciou pouco antes que faria uma declaração à imprensa sobre as negociações do Brexit na sexta-feira às 07h50 (04h50 de Brasília) em Bruxelas.

Depois Tusk deixará Bruxelas para visitar a Hungria, indicou uma fonte europeia.

“Com menos de uma semana antes do Conselho (cúpula) da UE, Tusk informará sobre a situação do (diálogo sobre o) Brexit nesse contexto, o que quer que aconteça amanhã”, acrescentou essa fonte.

Em Londres, o gabinete de May se negou a fazer comentários a respeito.

A UE e o Reino Unido fracassaram na segunda-feira ao tentar fechar um acordo sobre a sua separação pela questão do futuro da fronteira irlandesa, uma das prioridades junto à fatura que deve ser paga por Londres por sua saída e pelos direitos dos cidadãos expatriados.

Os europeus querem progressos suficientes nessas três prioridades antes de passar para a segunda fase de negociação, que contaria com um acordo de livre-comércio e um período de transição de dois anos após a saída efetiva do Reino Unido, em 29 de março de 2019, como Londres reivindica.

O objetivo é poder validar esses avanços e dar o aval às próximas discussões durante a cúpula europeia prevista para semana que vem em Bruxelas.