Giro

Náutico sofre, mas bate Salgueiro e dispara na ponta do Pernambucano

O torcedor do Náutico recebeu um presentão de aniversário nesta quarta-feira (7). No dia em que comemorou 120 anos de história, o Timbu derrotou o Salgueiro por 3 a 2 no estádio Cornélio de Barros, em Salgueiro (PE), pela quinta rodada do Campeonato Pernambucano, disparando na liderança da competição.

O time alvirrubro venceu os cinco jogos que disputou e soma 15 pontos. São sete de vantagem para os rivais Santa Cruz e Sport, que aparecem logo atrás na classificação. O Carcará, atual campeão estadual, segue com seis pontos e perdeu a chance de assumir o segundo lugar na classificação.

O primeiro tempo deu a falsa impressão de que o Náutico conquistaria os três pontos com facilidade. Aos 24 minutos, Vinícius recebeu lançamento pela esquerda, escapou da marcação ao invadir a área e cruzou rasteiro. A bola ficou travada na área e o também atacante Erick aproveitou para abrir o placar. Aos 27, o goleiro Lucas saiu mal do gol, na dividida com o atacante Kieza, e Erick, na sobra, ampliou a vantagem do Timbu.

Apesar de o Náutico ter as melhores chances nos primeiros minutos do segundo tempo e acertado a trave, o Salgueiro reagiu. Aos 24 minutos, o atacante Tarcísio foi lançado na área e bateu na saída do goleiro Alex Alves. Quatro minutos depois, o meia Felipe Baiano ficou com a sobra na área e empatou. Na sequência, porém, aos 30 minutos, o zagueiro Elenilson fez pênalti em Kieza. O camisa 9 bateu e garantiu a vitória alvirrubra.

Mais cedo, o Sport não saiu do zero com o Afogados no estádio Valdemar Viana de Araújo, o Vianão, em Afogados da Ingazeira (PE). O jogo teve como protagonista o goleiro Luan Polli, mas não por um bom motivo. O camisa 27 do Leão foi expulso ao errar o tempo de bola e defender com a mão fora da área, aos 31 minutos do segundo tempo.

O Rubro-Negro, que tinha a oportunidade de reduzir a diferença para o Náutico em caso de vitória, acabou descendo do segundo para o terceiro lugar, com oito pontos. O Afogados, que podia ter assumido a vice-liderança, também perdeu uma colocação e agora é o sexto, com seis pontos.

O Santa Cruz aproveitou o tropeço e tomou o segundo lugar do Sport ao golear o Vera Cruz por 4 a 1, no Arruda, em Recife. Apesar de balançar as redes apenas uma vez, Chiquinho foi o destaque da partida, com assistências para os gols do zagueiro William Alves (dois) e do lateral Eduardo. O lateral Vitor Leão, de cabeça, fez o de honra dos visitantes.

O Tricolor soma os mesmos oito pontos do Sport, mas fica à frente pelo saldo de gols (cinco a três). O Vera Cruz segue na lanterna, com um ponto. No Pernambucano, os quatro últimos colocados disputam um quadrangular contra o rebaixamento, os dois primeiros avançam direto às semifinais e os times do terceiro ao sexto lugar jogam as quartas de final.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel