Negócios

Natura &Co terá 13 conselheiros, dos quais nove independentes

A Natura &Co Holding terá um total de 13 conselheiros, sendo que os três novos eleitos só tomarão posse 30 dias após a consumação da incorporação de ações da Natura pela holding, aprovada em assembleia Geral no último dia 13 de novembro. Em comunicado, a companhia destaca ainda que o colegiado terá nove membros independentes ao todo.

Até lá, o conselho será composto por Antonio Luiz da Cunha Seabra, Guilherme Peirão Leal, Pedro Luiz Barreiros Passos e Roberto de Oliveira Marques.

Já os conselheiros independentes Silvia Freire Dente da Silva Dias Lagnado, Carla Schmitzberger, Gilberto Mifano, Fábio Colletti Barbosa, Jessica DiLullo Herrin e Ian Martin Bickley tomarão posse após a consumação da incorporação, ao passo que a dos três novos membros – Nancy Killefer, Andrew George McMaster Jr. e Wyllie Don Cornwell – deverá ocorrer nos 30 dias seguintes.

Notas promissórias

A Natura &Co Holding fará sua 1ª emissão de notas promissórias em até duas séries, com esforços restritos de distribuição, no valor de até R$ 2,9 bilhões. Serão até 220 notas no valor de R$ 2,2 bilhões na primeira série e até 70 notas, ou R$ 700 milhões, na segunda.

A remuneração será taxa DI mais spread (sobretaxa) de 2,00% ao ano em ambas as séries. O prazo é de 365 dias.

Ainda conforme a ata da reunião do conselho desta segunda-feira, 16, que aprovou a operação, os recursos serão destinados ao pagamento do total do valor do resgate das ações preferenciais Série C, emitidas pela Avon Products, Inc., incorporada pela Natura &Co, além de custos e despesas da aquisição.