Ciência

NASA consideraria arma nuclear contra um asteroide em direção à Terra

Crédito: Reprodução/Unsplash

Felizmente, o cenário só foi vivido no mundo da ficção científica até agora, mas impactos perigosos de asteroides são algo que os cientistas levam a sério (Crédito: Reprodução/Unsplash)

Um especialista em defesa de asteroides da NASA disse à Newsweek que, caso os cientistas encontrassem um asteroide vindo em nossa direção com apenas alguns meses de antecedência, explodi-lo em pedaços não seria uma ideia tão estranha.

Felizmente, o cenário só foi vivido no mundo da ficção científica até agora, mas impactos perigosos de asteroides são algo que os cientistas levam muito a sério no mundo real.

+ Nasa e SpaceX enviam quatro astronautas à Estação Espacial nesta sexta-feira

Esta semana, o Centro de Estudos de Objetos Perto da Terra (CNEOS) da NASA tem liderado um cenário fictício em que os delegados da 7ª Conferência de Defesa Planetária da Academia Internacional de Aeronáutica (IAA) foram encarregados de responder a um asteroide imaginário que deve atingir a Terra.

O cenário imagina que os cientistas descobriram que o asteroide, chamado 2021 PDC, vai atingir nosso planeta em apenas seis meses, o que significa que desviar a falsa rocha espacial de nós está fora de questão.

Se fosse na vida real, os cientistas considerariam seriamente o lançamento de uma bomba nuclear, de acordo com Lindley Johnson, oficial de defesa planetária da NASA. Mas não seria uma opção ideal.

+ Jaguar Land Rover: a luta contra a falta de confiança dos consumidores

Johnson disse à Newsweek: “Eu chamo isso de solução de Hollywood. Não está totalmente fora de sintonia.

Em vez disso, Johnson enfatiza a importância da detecção precoce – algo em que grupos como o CNEOS se especializam. Há também uma Rede Internacional de Alerta de Asteroide que, segundo Johnson, tem signatários de pelo menos uma dúzia de países ao redor do mundo.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel