TV DINHEIRO

“Não sei se vamos crescer 0,5%, 0,7% ou 1%. Mas vamos crescer”, afirma Ubirajara Freitas, presidente da incorporadora Tegra

Carlos Sambrana, redator-chefe da IstoÉ Dinheiro, entrevista Ubirajara Freitas, presidente da incorporadora Tegra, ex-Brookfield, que amargava prejuízos atrás de prejuízos. A empresa, que no ano passado lançou empreendimentos que somavam um valor de R$ 1,2 bilhão, deve voltar a lucrar apenas em 2019. Nesta entrevista, o executivo conta como isso será possível.

Neste segundo bloco (acima), Freitas fala sobre a reestruturação da companhia, que redefiniu as regiões de atuação e o perfil dos lançamentos. “Concentramos nossa atuação na grande São Paulo, Campinas e Rio de Janeiro, com imóveis para a classe média e alto luxo”, diz. Segundo o executivo, a empresa vai fechar 2017 muito melhor do que 2016. “Não sei se vamos crescer 0,5%, 0,7% ou 1%. Mas vamos crescer”, afirma.

BLOCO 1- Freitas fala sobre como a crise econômica foi um divisor de águas para o mercado imobiliário. A Brookfield (atual Tegra) estava muito bem em 2011 e atingiu a marca de R$ 4 bilhões de lançamentos. A partir de 2012, começou a sofrer com os primeiros sinais de queda do PIB. O endividamento da empresa chegou a quase R$ 3 bilhões.“Tivemos que tomar medidas importantes para colocar a empresa no trilho”, diz Freitas.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel